Ozônio em câmaras frigoríficas

Publicado por: Ozonic Geradores de Ozônio Categoria: Industriais Publicado em:
Ozônio em câmaras frigoríficas

O ozônio em câmaras frigoríficas é um potente agente de descontaminação, sem precisar utilizar recursos de desinfecção com cloro que não é aceito no mercado internacional.

Ozônio na câmara fria

Para alimentos refrigerados, a estocagem em câmara fria é uma etapa importante, entretanto, a limpeza e a sanitização das câmaras frigoríficas são negligenciadas por grande parte das indústrias de alimentos (Salvador et al., 2006).

Os microrganismos presentes no ambiente de processamento e de estocagem de alimentos podem levar à contaminação do produto acabado (Oliveira et al., 2011).

As fontes de contaminação do meio ambiente incluem alimentos, manipuladores, animais, insetos, além de utensílios   componentes estruturais como portas, paredes e teto de armazéns e câmaras frigoríficas. O ar do ambiente, as embalagens primárias, as mãos dos operadores e os equipamentos constituem pontos importantes que devem ser considerados nas boas práticas de fabricação, de forma a não representarem risco de contaminação para o produto (Othmane et al., 2011).

 

Onde o ozônio pode ser aplicado nas câmaras frigoríficas?

Nos sistemas Cleaning-In-Place (CIP) e Sterilization-In-Place (SIP) na limpeza periódica das câmaras.

Nas câmaras de armazenagem, pois os microrganismos presentes no ambiente de processamento e de estocagem de alimentos podem levar à contaminação do produto acabado.

 

Por que mudar para ozônio?

A utilização do gás ozônio possibilita uma melhor qualidade do ar de circulação e das superfícies das instalações, em virtude de uma redução média e constante de respectivamente 0,81 e 1,01 ciclos logarítmicos na contagem de microrganismos aeróbios mesófilos, bolores e fungos filamentosos.

A utilização do gás ozônio melhorou a qualidade microbiológica do ar e das superfícies interna da câmara fria.

Decomposição rápida do ozônio em gás oxigênio, sem a presença de resíduos no ambiente.

Economia de energia, uma vez que não há necessidade de calor para emprego do ozônio.

Tags relacionadas

Comentários

Deixe o seu comentário

* Campo obrigatório